Menu
Atualizado em 15/04/2019 às 08h40

Superlotação em centros de atendimento socioeducativo chega a 158% no RS

Levantamento é do Ministério Público. Atualmente, 1,2 mil jovens cumprem medidas socioeducativas, mas o número de vagas nos 13 centros é de apenas 759. Superlotação em Centros de Atendimento Socioeducativo é de 158% no RS

Um levantamento do Ministério Público do Rio Grande do Sul identificou que a média de superlotação em centros de atendimento socioeducativo (Case) no estado chega a 158%. Atualmente, 1,2 mil jovens cumprem medidas socioeducativas, mas o número de vagas nos 13 centros é de apenas 759.

A situação mais preocupante é a de Passo Fundo, no Norte do estado, onde a superlotação está 142% acima da capacidade. São 57 jovens a mais do que o número de vagas disponíveis.

As duas salas que serviam de enfermaria e o espaço para visita íntima tiveram que ser transformados em celas. Essa é a pior situação do centro nos últimos 10 anos. O MP estuda, inclusive, interditar a unidade.

"Os dormitórios,...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS