Menu
Atualizado em 26/03/2019 às 06h20

Honda Accord 2019: primeiras impressões

Maior sedã da Honda tem cara de Civic, mas custa o mesmo que rivais de luxo. Por R$ 200 mil, entrega comportamento esportivo, conforto a bordo e tecnologia semiautônoma. Honda Accord 2019

André Paixão/G1

No mundo automotivo, “sleeper” é o termo usado para definir carros que, de sonolentos, só têm a aparência. Em outras palavras, lobo em pele de cordeiro.

O rótulo se encaixa perfeitamente na 10ª geração do Honda Accord, lançada no Brasil no Salão do Automóvel, em novembro passado. Quem olha para o sedã de linhas clássicas e claramente inspiradas no Civic não imagina do que o modelo é capaz.

Ainda que a Honda não divulgue oficialmente a aceleração de 0 a 100 km/h, nem a velocidade máxima, o sedã de quase 5 metros é capaz de cumprir a prova em cerca de 6,5 segundos, e alcançar mais de 250 km/h de velocidade máxima, segundo medições feitas no exterior.

Menor e mais eficiente


Continuar lendo...
Autor/Fonte: AutoEsporte.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS