Menu
Atualizado em 14/03/2019 às 22h20

Advogado de de Graciele Ugulini diz que morte de Bernardo foi 'uma tragédia acidental'

Esta é a última fase do julgamento antes da decisão do Conselho de Sentença do Tribunal do Júri. Advogado da madrastra foi o segundo a apresentar defesa. Antes, Ministério Público defendeu sua tese por quatro horas. Advogado de Graciele, Vanderlei Pompeu de Mattos, sustenta que faltam provas para acusação de sua cliente

TJ RS/Divulgação

O advogado Vanderlei Pompeo de Mattos, representante de Graciele Ugulini no julgamento pelo assassinato do menino Bernardo Boldrini, disse que faltam provas para a acusação da cliente, madrasta da vítima e uma das rés pelo crime. Ele apresentou a explanação na noite desta quinta-feira (14), em Três Passos, no Norte do Rio Grande do Sul, quando teve início a etapa de debates do júri.

"Estou defendendo uma ré confessa, mas não nos termos conjecturados pelo Ministério Público, mas na forma como ela apresentou: uma tragédia acidental, e ela vai responder por isso. Não vai se safar. Vai...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS