Menu
Atualizado em 11/02/2019 às 07h20

Prefeituras do Alto Tietê diminuíram investimento em saúde per capita 10% em 4 anos, enquanto população cresceu 4% no período

Levantamento feito pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) considera apenas valores investidos pela própria Prefeitura. Investimentos do Estado e do governo federal não são contabilizados. Os dados do estudo sobre o investimento de prefeituras em Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS), realizado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), mostram que houve uma redução em 10% no valor das ações e serviços em saúde per capita na média das prefeituras do Alto Tietê, entre os anos de 2013 e 2017. Neste mesmo período a população cresceu 4%.

O levantamento considera apenas valores investidos pela própria Prefeitura. Investimentos do Estado e do governo federal não são contabilizados.

Em 2013, o montante referente às 10 cidades somou, em todo o ano, R$ 4,4 milhões para uma população estimada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) de 1,53 milhão de habitantes. Em 2017, estes indicadores marcaram R$ 4 milhões e...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS