Menu
Atualizado em 11/02/2019 às 20h20

Hydro processa pesquisador do IEC por calúnia e difamação; MPF pede à Justiça Federal que rejeite ação

A empresa alega que o servidor Marcelo de Oliveira Lima emitiu opiniões pessoas durante entrevistas à imprensa. Ministério Público argumenta que pesquisador falou com base nos laudos e relatórios do Instituto. Mineradora Hydro Alunorte em Barcarena

Joao Ramid/Hydro/Alunorte

A refinaria Hydro Alunorte iniciou um processo por calúnia e difamação contra o pesquisador do Instituto Evandro Chagas (IEC), dr. Marcelo de Oliveira Lima, responsável por laudo que apontou contaminação em Barcarena, nordeste do Pará. A ação foi ajuizada no dia 18 de janeiro.

O Ministério Público Federal (MPF) recomenda a Justiça Federal que não acate o pedido. Segundo o IEC, o "servidor agiu de acordo com suas atribuições".

A empresa alega, no processo, que Marcelo Lima expôs opiniões pessoais sobre o evento investigado em entrevistas à imprensa, o que aumentaria o potencial de propagação de informações divulgadas, deixando de...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS