Menu
Atualizado em 13/01/2019 às 01h59

Registros de intolerância triplicaram em SP na última campanha eleitoral



Os registros de crimes relacionados à intolerância no estado de São Paulo atingiram um pico durante as eleições de 2018. Em agosto, setembro e outubro, meses de campanha, foram 16 casos por dia, em média, o que representa mais do que o triplo dos 4,7 registros diários ao longo do primeiro semestre.



O aumento começa em julho e atinge o ápice do ano em outubro, mês da votação de primeiro e segundo turnos, com 568 boletins de ocorrência- pouco mais de 18 por dia.



O total apenas do mês das eleições representa 67% do acumulado dos seis primeiros meses do ano e é mais que o triplo do observado em outubro de 2017, quando foram 159 registros, média de 5 por dia.

Os números recuam em novembro, mas seguem altos em comparação ao primeiro semestre do ano passado.



Os dados, obtidos pela Folha por meio da Lei de Acesso à Informação, são de boletins de ocorrência registrados...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Folha UOL

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS