Menu
Atualizado em 11/01/2019 às 22h00

Governo prorroga recadastramento de servidores e vai suspender salário de quem não participar

Medida foi anunciada pelo governo após o palácio ser alvo de operação que investiga funcionários fantasmas. Novo prazo é para o dia 1º de fevereiro. Servidores que não fizerem recadastramento terão salários suspensos

Divulgação/Governo de Tocantins

O Governo do Tocantins prorrogou até o dia 1º de fevereiro o prazo da primeira fase do recadastramento de servidores públicos estaduais. Os mais de 50 mil funcionários do executivo estadual têm até esta data para atualizar os dados no sistema online. O Palácio Araguaia informou que quem não fizer isso terá o pagamento suspenso.

A medida foi anunciada após a sede do governo estadual ser alvo de busca e apreensão durante a operação Catarse, que investiga a existência de mais de 300 funcionários fantasmas na Secretaria-Geral de Governo.

"O que buscamos com este recadastramento é organizar e dimensionar a necessidade de pessoas conforme as estruturas dos...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

10:59 Linha 121

ÚLTIMAS NOTÍCIAS