Menu
Atualizado em 15/11/2018 às 22h00

Justiça no AP torna réus os acusados de atropelar e matar namorada de lutador do UFC

Juíza do caso pediu para MP alterar a denúncia contra Elber Nunes Zacheu e Johny de Souza Amoras, sob pena de rejeição. Raulian Paiva sofreu escoriações e Tieli Alves morreu após o atropelamento

Reprodução/Facebook

Após pedir 'maior precisão' nos crimes imputados pela denúncia do Ministério Público do Amapá (MP-AP), a Justiça aceitou a denúncia e tornou réus por homicídio Elber Nunes Zacheu e Johny de Souza Amoras, acusados de atropelar e matar Tieli Alves Medeiros, de 25 anos, namorada do lutador do UFC Raulian Paiva. O crime ocorreu em 21 de outubro em Santana.

O MP apresentou inicialmente a denúncia em 30 de outubro, mas a juíza Lívia Simone Oliveira, da 2ª Vara Criminal, afirmou em pedido de aditamento que viu "contradição" nos crimes atribuídos aos acusados, além de controvérsia na motivação do homicídio. Em caso de não mudança, a ação poderia ser rejeitada.

Os dois foram indiciados pelo...

Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS