Menu
Atualizado em 12/10/2018 às 07h20

Sem projetos ativos, Macapá é a única cidade do AP que recebe recursos do Fundo da Criança

Município diz que valores são baixos para manter iniciativas. Estado informou que atua na criação de uma instância de Direitos Humanos, para poder receber investimentos. Ações deveriam combater problemas como o trabalho infantil e o vício em drogas

Rickardo Marques/G1 AM

Dados divulgados pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) apontam que mais de 4 mil municípios brasileiros não têm Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente cadastrado ou em condições regulares para captar recursos de doação do Imposto de Renda (IR). Entre as 16 cidades do Amapá, apenas Macapá está com o cadastro regularizado, mas não há projetos ativos que recebem os valores.

O fundo garante investimentos para a implantação e manutenção de projetos e programas voltados para o bem-estar de crianças e adolescentes de cada município. As ações deveriam combater, por exemplo, problemas como o trabalho infantil e o vício em drogas.

Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS