Menu
Atualizado em 10/08/2018 às 21h00

MPPA ajuíza ação contra Celpa para garantir fornecimento a população que vive há décadas sem energia elétrica

Celpa tem prazo de 15 dias para a prestação dos serviços contratados de modo contínuo e ininterrupto. Em caso de descumprimento, a aplicação de multa diária é equivalente a dez mil reais, para cada dia de atraso. O objetivo da ação é garantir o fornecimento de energia elétrica para as famílias da zona rural do município, explicou o promotor

Reprodução/EPTV

Os moradores da zona rural de Capitão Poço, nordeste paraense, dizem que padecem com a falta de energia elétrica. Alguns estão há décadas sem este serviço, mesmo fazendo pedidos de providências à concessionária de energia Celpa, informa a população. O Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) informou, nesta sexta-feira (10), que ingressou com Ação Civil Pública contra a empresa Centrais Elétricas do Pará S.A. (Celpa) por meio do promotor de Justiça Nadilson Portilho Gomes.

O objetivo da ação é garantir o fornecimento de energia elétrica para as...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS