Menu
Atualizado em 18/07/2018 às 08h20

Problemas no abastecimento de medicamentos para HIV e Aids causam preocupação no Rio Grande do Sul

Pacientes enfrentam falta ocasional de algum dos componentes do tratamento na capital e no interior. Ministério da Saúde atribui a processo logístico de compra e distribuição. Pacientes reclamam de falta de medicamentos para HIV e AIDS desde março em cidades do RS

Os pacientes com vírus HIV e com Aids do Rio Grande do Sul enfrentam uma situação difícil: o desabastecimento ocasional de alguns antirretrovirais, medicamentos necessários para o tratamento da doença crônica. A falta dos medicamentos não é generalizada: em Porto Alegre, por exemplo, pacientes reclamam que não encontram um dos tipos usados no tratamento, a lamivudina, nas farmácias do Posto IAPI, Santa Marta, Vila dos Comerciários e do Hospital de Clínicas, desde março.

Os medicamentos são repassados pelo Ministério da Saúde, e distribuídos para os municípios pela Secretaria de Saúde.

Em Santa Cruz do Sul, cidade distante cerca de 150 km de Porto Alegre, foi...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS