Menu
Atualizado em 18/07/2018 às 08h00

HPV: por que vacinação de adolescentes contra vírus de transmissão sexual que causa câncer não avança no Brasil

Cinco anos depois do início da imunização contra HPV pelo SUS, país só conseguiu vacinar 48,7% das meninas de 9 a 14 anos, faixa etária alvo recomendada pela OMS; câncer de colo de útero é o 3º mais comum entre mulheres no Brasil e pode ser prevenido com a vacina. No ano passado, 900 mil vacinas 'encalhadas' foram liberadas para homens e mulheres fora na faixa etária alvo para que não estragassem

MANUELA BRANDOLFF/PALÁCIO PIRATINI

Cinco anos depois de o Brasil fazer a primeira campanha nacional de vacinação contra o Papilomavírus Humano (HPV) e de disponibilizar a vacina gratuitamente no Sistema Único de Saúde (SUS), apenas 48,7% das meninas entre 9 a 14 anos no país – a população-alvo recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) – foram imunizadas.

O HPV é responsável por 99% dos casos câncer de colo de útero, o terceiro mais frequente entre as mulheres no Brasil, o quarto que mais mata – e um dos...


Continuar lendo...
Autor/Fonte: Globo.com

Brasil

Notícias Relacionadas

ÚLTIMAS NOTÍCIAS